(11) 4858-3900 (11) 4858-3900
WeDo
WeDo

Porque um arquiteto precisa de contabilidade?

Arquiteto, você também precisa de contabilidade, sabia disso?

Muitas vezes esquecida por profissionais independentes como arquitetos, médicos e engenheiros, a contabilidade é um instrumento essencial para o sucesso dos negócios.

São vários os motivos para que você arquiteto, contrate o quanto antes uma assessoria contábil especializada e pronta para contribuir com o crescimento dos da sua atividade profissional. 

Deseja entender melhor como um contador pode contribuir para as suas atividades como arquiteto? Então, continue conosco, separamos neste conteúdo os motivos mais importantes, vamos conferir?

1.Abra uma empresa e formalize o seu negócio

Sem dúvidas, a formalização do seu negócio é o primeiro grande motivo para que você contrate uma assessoria contábil. O contador, é o profissional responsável por auxiliar você em todas as etapas que envolvem a abertura de uma empresa e além disso, o profissional indicado para cuidar da sua empresa nos aspectos contábil e tributário.

A contabilidade, acompanhará a sua empresa durante todo o seu tempo de vida, elaborando balanços, faturamentos, calculando folhas de pagamento e guias para o pagamento de tributos, além de garantir a entrega de obrigações acessórias, como por exemplo o SPED.

Formalizando os seus serviços em arquitetura por meio de uma empresa, você transmite mais confiança e credibilidade ao mercado e possui chances maiores de conquistar os melhores contratos da sua região de atuação, firmando parcerias inclusive com empresas.

2.Reduza a carga tributária do Imposto de Renda

Outro grande motivo que justifica a importância da formalização e da contratação de uma assessoria contábil reside no Imposto de Renda.

Atuando como pessoa física, o arquiteto precisa declarar as suas receitas por meio do Imposto de Renda Pessoa Física, cuja alíquota pode chegar a impressionantes 27,5% da renda obtida pelo profissional de arquitetura.

Por outro lado, atuando por meio de uma empresa, o arquiteto consegue reduzir significativamente os seus custos com o pagamento de tributos.

3.Conte com a possibilidade de participar de licitações públicas

Se o seu objetivo é participar de licitações públicas, firmando grandes contratos com órgãos e empresas públicas ou entidades governamentais, a formalização é sem dúvidas um excelente caminho.

Ao formalizar a sua atividade, constituindo um escritório de arquitetura, você terá acesso a novas oportunidades, não só em meio ao mercado de licitações, mas também por meio de contratos com empresas e instituições da iniciativa privada.

4.Tenha acesso a linhas especiais de crédito

Você sabia que o seu contador pode ajudar você a conseguir linhas especiais de crédito para a expansão dos seus negócios?

Tradicionalmente, as empresas contam com linhas mais acessíveis de crédito e juros mais baixos, com o objetivo de incentivar e fomentar o desenvolvimento dos negócios.

5.Emita notas fiscais

Por fim, vale destacar, que o arquiteto que formaliza os seus serviços constituindo uma empresa, conta ainda com a possibilidade de atuar emitindo notas fiscais de serviços.

Vale destacar, que a emissão das notas fiscais de serviço fazem parte das exigências da maior parte dos clientes pessoa jurídica para a contratação dos serviços de um arquiteto.

Procurando uma assessoria contábil especializada e pronta para contribuir para os seus negócios na área de arquitetura? Entre em contato conosco!